Para homenagear Naya Rivera, atriz que faleceu em julho de 2020, o elenco de "Glee" reuniu-se virtualmente para a cerimónia dos GLAAD Media Awards, prémios que celebraram a representação LGBTQ+ nas histórias que chegam através de filmes, séries, discos, banda desenhada, videojogos e jornalismo.

A cerimónia decorreu na passada quinta-feira, dia 8 de abril, no Youtube e contou com abertura de Demi Lovato, que vestiu a pele da namorada de Santana Lopez, personagem interpretada por Naya Rivera.

Além da cantora, a homenagem teve a participação de Jacob Artist, Chris Colfer, Darren Criss, Jessalyn Gilsig, Dot-Marie Jones, Vanessa Lengies, Jane Lynch, Kevin McHale, Heather Morris, Matthew Morrison, Alex Newell, Lauren Potter, Amber Riley, Harry Shum Jr., Becca Tobin e Jenna Ushkowitz

Veja o vídeo:

Já Lea Michele, que interpretou Rachel Berry, não marcou presença no reencontro Em junho de 2020, a atriz foi acusada de racismo por colegas do elenco da série - no Twitter, Samantha Marie Ware, que também fez parte do elenco de "Glee", confessou que a colega fez da sua estreia em televisão um "inferno".

Dias depois, Lea Michele reagiu às acusações. Num texto partilhado nas redes sociais, a atriz pediu desculpa e frisa que se quer tornar numa pessoa melhor. "Peço desculpas pelo meu comportamento e por qualquer dor que causei”, sublinhou. No comunicado publicado nas redes sociais, a atriz admitiu que "não se lembra de ter feito esses comentários", frisando que "nunca julgou" os outros pela sua cor de pele. "Mas isso não é exatamente o ponto. O que importa é que claramente agi de uma forma que magoou outra pessoa", acrescentou.

Tudo o que se passa à frente e atrás das câmaras!

Receba o melhor do SAPO Mag, semanalmente, no seu email.

Os temas quentes do cinema, da TV e da música!

Ative as notificações do SAPO Mag.

O que está a dar na TV, no cinema e na música!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOmag nas suas publicações.