Cristina Ferreira terá recusado apresentar seis programas na SIC, avança o Correio Manhã na edição desta quinta-feira, dia 22 de outubro. Segundo o jornal, a apresentadora justificou-se com o "desgaste de imagem e da marca" e "falta de interesse".

"A Máscara", "LipSync Portugal", "O Noivo É Que Sabe", "Escola de Sogros", "Quem Quer Namorar com o Agricultor?" e "A Experiência" terão sido os programas que Cristina Ferreira terá recusado apresentar na SIC.

O Correio da Manhã avança ainda que os 'nãos' da apresentadora constam do processo apresentado pela estação de Paço de Arcos no Tribunal Cível de Lisboa.

A SIC exigiu a Cristina Ferreira uma indemnização de mais de 20 milhões por incumprimento do contrato que estava em vigor até dezembro de 2022.

Em entrevista, Cristina Ferreira já admitiu ter de pagar uma indemnização à SIC, frisando que não concorda com o valor exigido pelo seu antigo canal. Em comunicado enviado em agosto, a apresentadora defendeu que a "quantia não tem qualquer fundamento": "Sobre esta matéria gostaria apenas de esclarecer que a referida quantia não tem qualquer fundamento ou base contratual, pelo que refuto em absoluto a pretensão daquela entidade, estando disposta a assegurar e defender os meus interesses até às últimas instâncias".

O valor apresentado pela SIC tem em conta o rompimento do contrato de forma "unilateral", bem como a perda de receitas em chamadas de valor acrescentado, publicidade, ações comerciais e publicidade.

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.