Segundo a editora Warner Music Portugal, num comunicado hoje divulgado, “a vontade de Salvador Sobral de experimentar todas as músicas do mundo e o impulso criativo de Agir foram o ponto de partida para uma parceria musical que começou na Mesa de Frades [casa de fados em Lisboa] e rapidamente saltou para o estúdio”.

Agir, citado no comunicado, recorda que os dois começaram “a fazer um som sem compromisso, só com melodias por cima de um instrumental”.

O videoclip de "Vertigem" pode ser visto aqui.

“Na segunda sessão [de estúdio], o Salvador trouxe a letra feita e quando a começou a gravar, disse: ‘giro era tu entrares’ e daí, ao imaginar um vídeo, foi um instante. Gosto desta atitude de verdadeira liberdade do Salvador, de fazer o que lhe apetece e arriscar coisas mais ‘fora’. Se for para repetir eternamente a mesma canção, não estamos cá a fazer nada”, disse.

Já Salvador Sobral, também citado no comunicado, partilhou querer “experimentar todos os géneros” e que teve oportunidade de falar dessa vontade com Agir.

“Aprendi muito com o Agir, não só na esfera musical de não pensar demasiado e deixar sempre correr o fluxo criativo, mas também na esfera pessoal. Ele é um artista que sabe perfeitamente o que quer, dos mais focados que conheço, sem pudor de dizer que não a algo que não lhe apraz. Sem pudor de pensar gigante para depois fazer grande”, referiu.

Contactada pela Lusa, fonte da editora explicou que o tema hoje divulgado “não faz parte de nenhum álbum de nenhum dos artistas”.

Tudo o que se passa à frente e atrás das câmaras!

Receba o melhor do SAPO Mag, semanalmente, no seu email.

Os temas quentes do cinema, da TV e da música!

Ative as notificações do SAPO Mag.

O que está a dar na TV, no cinema e na música!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOmag nas suas publicações.