Trata-se de "um livro íntimo que acompanha todos os passos da família De la Garza, e em que Laura Esquivel revela os mágicos e secretos fios com que teceu a trama de 'Como Água Para Chocolate'" (1993), e que deu origem ao filme homónimo de Alfonso Arau.

"O Diário de Tita", publicado originalmente em 2018, é o segundo volume da trilogia "Como Água para Chocolate", e revela o diário da sua protagonista: Tita de la Garza, que, cumprindo a tradição mexicana, dedica a sua vida a cuidar da mãe.

Laura Esquivel nasceu na Cidade do México, há 69 anos, foi professora e escreveu obras de teatro para a infância. Revelou-se primeiro como argumentista, e estreou-se como romancista com "Como Água para Chocolate", que está traduzido em 35 línguas, e valeu à autora, em 1994, o Prémio American Booksellers Book of the Year, pela primeira vez atribuído a um escritor não norte-americano.

Tudo o que se passa à frente e atrás das câmaras!

Receba o melhor do SAPO Mag, semanalmente, no seu email.

Os temas quentes do cinema, da TV e da música!

Ative as notificações do SAPO Mag.

O que está a dar na TV, no cinema e na música!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOmag nas suas publicações.