Deverá ser um dos projetos mais cobiçados, tanto na indústria como pelos atores: Quentin Tarantino vai fazer o seu primeiro projeto a sério para o pequeno ecrã.

O cineasta surpreendeu com esta novidade durante uma conversa com o crítico Elvis Mitchell numa apresentação em Nova Iorque do seu livro de ensaios "Cinema Speculation".

O que aí vem é uma minissérie de oito episódios e, sem surpresa, com argumento e realização da sua autoria.

A produção arranca em 2023 e não há outras informações: a imprensa norte-americana diz que Tarantino lançou um brincalhão "f*ck y’all" ao público que estava na apresentação e ansiava por saber mais.

Este será o primeiro trabalho original para o pequeno ecrã: além dos dois célebres episódios que escreveu e realizou de "CSI" em 2005, esteve atrás das câmaras no penúltimo episódio da primeira temporada de "Serviço de Urgência" em 1995.

Este ano, também foi anunciada uma parceria com a Netflix para lançar o seu filme "Os Oito Odiosos" (2015) em episódios.

Tarantino mantém a intenção de se retirar como cineasta com o seu décimo filme, mas garantiu que este novo projeto não entra para a contagem.

Também deixou implícito que o mesmo se aplica a um projeto em streaming, interrogando-se se fazer um filme para a Netflix realmente pode ser chamado isso e lamentando a existência cada vez mais de uma janela exclusiva de 30 dias dos filmes no cinema antes de serem atirados para a "televisão".

E deixou no ar: "O que é cinema se não for numa sala?".

Tudo o que se passa à frente e atrás das câmaras!

Receba o melhor do SAPO Mag, semanalmente, no seu email.

Os temas quentes do cinema, da TV e da música!

Ative as notificações do SAPO Mag.

O que está a dar na TV, no cinema e na música!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOmag nas suas publicações.