Tudo indica que o filme cuja rodagem começa em março de 2019 e por agora é conhecido apenas por "Bond 25" será a despedida de Daniel Craig como o agente 007.

Com o ator prestes a deixar o papel após cinco "missões", intensificam-se os rumores sobre o seu sucessor: a comunicação social britânica avançou este domingo que o eleito será Richard Madden.

Segundo o Daily Mail, ele não só lidera a lista de preferências de Barbara Broccoli, a grande produtora da saga 007, como esta se está a preparar para lhe oferecer o papel "nos próximos dias".

A reputação do ator escocês de 32 anos disparou não tanto por ter sido Robb Stark na primeira temporada de "A Guerra dos Tronos" ou o príncipe na versão em imagem real da Disney "Cinderela", mas graças ao desempenho do agente do serviço diplomático com nervos de aço em "Bodyguard", a série mais vista na televisão britânica na última década.

Em setembro, o pai de Richard Madden partilhou a indiscrição de que o filho está ansioso por ser James Bond. "Tenho certeza que ele quer que isso esteja um dia no seu currículo, mas não está a fazer um grande alarido sobre isso. Seja Bond ou qualquer grande papel, o Richard tem ideias sobre o que gostaria de fazer. Provavelmente é melhor guardar para si mesmo os seus desejos ou ideias."

De Idris Elba a Henry Cavill, Tom Hardy e agora Richard Madden, a lista de possíveis candidatos a suceder a Daniel Craig é vasta, tal como a especulação. Por agora, o que é concreto é que o 25º filme estreia a 14 de fevereiro de 2020.

Tudo o que se passa à frente e atrás das câmaras!

Receba o melhor do SAPO Mag, semanalmente, no seu email.

Os temas quentes do cinema, da TV e da música!

Ative as notificações do SAPO Mag.

O que está a dar na TV, no cinema e na música!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOmag nas suas publicações.