com o apoio MEO
Veja as melhores ofertas de telecomunicações aqui

A Batalha de Red Cliff

Chi Bi

A Batalha de Red Cliff

Chi Bi

Uma história de confrontos entre reinos na China pré-Imperial no século III antes de Cristo.

A história começa perto do fim da Dinastia Han em 208 A.C. O perspicaz Primeiro-Ministro Cao Cao (o verdadeiro líder do império) convence o instável imperador Han a declarar guerra aos Reinos de Xu e Wu. Cao Cao reclama que a sua intenção é única e exclusivamente unir toda a China para o bem do Império Han. No entanto, as suas motivações são mais pessoais... Depois de convencer o imperador Han, Cao Cao lidera o seu exército de quase um milhão de soldados para a guerra. O seu primeiro destino é o recentemente estabelecido Reino Xu, governado pelo benevolente líder Liu Bei. Ao chegar ao Reino de Xu, as forças de Cao Cao esmagam facilmente o vasto e maior exército de Liu Bei, enviando Liu Bei e o seu povo para uma viagem desesperada até à cidade de Xin Ye. Os cidadãos de Xu fogem para debaixo da protecção das tropas de Liu Bei e dos seus dois generais principais (e irmãos de palavra), Guan Yu e Zhang Fei, que ficam para trás, arriscando as suas vidas para salvar os camponeses fugitivos. Entretanto, o solitário general de Liu, Zhao Yin, galopa pelo batalhão das tropas de Cao, matando os que lhe aparecem à frente, enquanto carrega o filho de Liu Bei. Depois do acto heróico contra Cao Cao, Gun Yu, Zhang Fei e as suas tropas fazem a sua retirada com os restantes cidadãos de Liu Bei. Com o Rio Yangtze agora a servir de barreira natural contra o potente exército de Cao, os generais de Liu percebem que é apenas uma questão de tempo antes das forças de Cao Cao os apanharem e os chacinarem. Eles não têm outra opção se não enviar um representante, Zhu-Ge Liang, ao Reino de Wu e sugerir uma aliança…

Notícias relacionadas

Reparámos que tem um Ad Blocker ativo.

A informação tem valor. Considere apoiar este projeto desligando o seu Ad Blocker.

Pode também apoiar-nos subscrevendo a nossa , as nossas notificações ou seguindo-nos nas redes sociais Facebook, Instagram e Twitter.