Pesquisar Cartaz

Atualidade

Notícias

Turco «Honey» vence Urso de Ouro em Berlim

Os vencedores do 60º Festival de Cinema de Berlim foram conhecidos esta noite. «Honey», de Semih Kaplanoglu venceu o prémio máximo, o Urso de Ouro, e Roman Polanski foi galardoado com o Urso de Prata para Melhor Realizador.

A fita vencedora da edição número 60 da Berlinale vem da Turquia. «Honey», o filme de Semih Kaplanoglu sobre uma criança iniciada nos mistérios da natureza por um pai apicultor, levou para casa o Urso de Ouro, o prémio mais desejado da noite, mas também o Prémio Ecuménico do Júri para a competição.

E apesar de não poder estar presente no festival por se encontrar em prisão domiciliária no seu chalet suíço, Roman Polanski venceu o Urso de Prata para Melhor Realizador pelo seu mais recente filme, «The Ghost Writer». Baseado no romance de Robert Harris, «Ghost», o filme de Polanski conta a história de um escritor que tem a missão de compilar as memórias de um antigo primeiro-ministro britânico, numa clara mas não assumida referência à vida de Tony Blair.

O Grande Prémio do Júri foi para «Eu Cand Vreau Sa Fluier, Fluier», do cineasta Florin Serban e o galardão para Melhor Argumento ficou nas mãos dos chineses Wang Quan’an e Na Jin e do guião para a película «Tuan Yuan» («Apart Together»).

No campeonato das interpretações, o Urso de Prata para Melhor Actriz ficou com Shinobu Terajima pelo seu papel em «Caterpillar», e o equivalente para o Melhor Actor acabou por ser repartido por dois nomes no mesmo filme: Grigori Dobrygin e Sergei Puskepalis pelos seus trabalhos em «Kak Ya Provel Etim Letom» («How I Ended This Summer»).

No o início da cerimónia, o director do certame, Dieter Kosslick, agradeceu ao público que comprou mais de 300 mil bilhetes para a edição deste ano do festival.

Lista Completa de Vencedores

Urso de Ouro

«Bal»(«Honey»), de Semih Kaplanoglu

Urso de Prata - O Grande Prémio do Júri

«Eu Cand Vreau Sa Fluier, Fluier» («If I Want to Whistle, I Whistle»), de Florin Serban

Urso de Prata - Melhor Realizador

Roman Polanski por «The Ghost Writer»

Urso de Prata - Melhor Actriz

Shinobu Terajima em «Caterpillar»

Urso de Prata - Melhor Actor (Prémio Partilhado)

Grigori Dobrygin e Sergei Puskepalis em «Kak Ya Provel Etim Letom» («How I Ended This Summer»)

Urso de Prata - Melhor Argumento

«Tuan Yuan»(«Apart Together»), escrito por Wang Quan’an and Na Jin

Urso de Prata - Contribuição Artística

«Kak Ya Provel Etim Letom» («How I Ended This Summer»), fotografia de Pavel Kostomarov

Prémio Alfred Bauer Prize

«Eu Cand Vreau Sa Fluier, Fluier» («If I Want to Whistle, I Whistle»), de Florin Serban

Prémio para Primeira Longa-Metragem

«Sebbe» de Babak Najafi

Outros prémios:

Prémio do Público 2009

«Waste Land», de Lucy Walker, João Jardim e Karen Harley

2º Lugar: «Budrus», de Julia Bacha

3º Lugar: «Daniel Schmid - Le chat qui pense» de Pascal Hofmann e Benny Jaberg

Prémio Ecuménico do Júri

Competição: «Bal» («Honey»), de Semih Kaplanoglu

Panorama: «Kawasakiho ruze» («Kawasaki’s Rose»), de Jan Hrebejk

Forum: «Aisheen» («Still Alive in Gaza»), de Nicolas Wadimoff

Comente esta história ↓ ou leia outros artigos...

Alguns artigos relacionados

Neste Artigo

Pessoas neste artigo

Partilha

siga o sapo cinema nas redes

Comentários

No Facebook

Trailers

A Dois Passos do Estrelato

Neste novo filme do documentarista Morgan Neville, revela as histórias das vozes que se escondem nos coros de ídolos tão célebres como Bruce Springsteen, Stevie Wonder ou Ray Charles. Para além de revelar as caras que se escondem por trás destas extraordinárias vozes, o filme recorre aos depoimentos de músicos tão célebres como Mick Jagger, Sheryl Crow ou David Bowie, por exemplo.

Ficha de Filme